O aplicativo brasileiro Bike Cidadão ganha um dos prêmios FIWARE – Smart City App Hack

Bike Cidadão Prêmios FIWARE -SCAH

Barcelona, 20 de novembro de 2015 -  O aplicativo brasileiro Bike Cidadão recebeu o terceiro prêmio da competição online lançada em setembro pela FIWARE e Smart City App Hack (SCAH), que reconhece os aplicativos que melhor integram a tecnologia FIWARE.

O prêmio de 1.500 euros foi recebido ontem à tarde pela equipe de Bike Cidadão na Grande Final Internacional da SCAH, realizada durante o Smart City Expo World Congress. O maior encontro mundial de smart cities reuniu nesta edição a 500 cidades de todo o mundo.

Bike Cidadão é um aplicativo para melhorar a mobilidade urbana e a segurança de pedestres, motociclistas e condutores, promovendo o respeito e a educação. A equipe de Bike Cidadão conheceu a tecnologia FIWARE há sete meses durante uma consultoria com o coordenador do mestrado em que participava, e a partir deste momento decidiu começar a trabalhar na integração.

A principal vantagem identificada pela equipe foi a melhoria da produtividade. “FIWARE GEs são um tipo de APIs produtivas que facilitam o desenvolvimento de aplicativos como os nossos, porque têm código aberto e licença livre, o que reduz o custo e o tempo dos projectos”, explica um representante de Bike Cidadão. Além disso, desde o momento em que apresentaram a plataforma na sua universidade em Recife (Brasil), a tecnologia passou a ser utilizada também em outros projetos do centro universitário como plataforma para o desenvolvimento de apps para smart cities.

O prêmio, avaliam, melhorará a visibilidade do projeto, além de representar um estímulo para a equipe. “Estamos muito orgulhosos e felizes que um projeto acadêmico tenha chegado até aqui. Isso nos ajudará a promover o nosso trabalho e a difundir os aplicativos desenvolvidos com FIWARE, gerando mais oportunidades para a nossa equipe”.

Os outros aplicativos premiados na tarde de ontem foram os espanhóis GeoPlay (Retail & Shopping) e CirculaB (Mobilidade Urbana), que receberam o primeiro e o segundo prêmios de 5.000 e 3.000 euros respectivamente. O prêmio do público, votado via Twitter e dotado com 500 euros, foi para o aplicativo uruguaio CITIVIVA (Cidade Colaborativa).

Já o prêmio de Aceleração oferecido pela SOUL-FI, uma aceleradora de FIWARE, foi concedido  ao aplicativo francês Karos. O prêmio de 10.000 euros inclui três meses de tutoria e networking em aceleração.

Os prêmios FIWARE – Smart City App Hack foram entregues na tarde de ontem em Barcelona durante Grande Final Internacional da SCAH, realizada durante o Smart City Expo World Congress, o principal encontro mundial smart cities, que reuniu este ano a 500 cidades de todo o mundo.

“O termo Smart Cities não se refere somente à prestação de serviços municipais mais eficazes, mas à transformação das cidades em plataformas TIC, que facilitem a inovação, o crescimento econômico local e o bem-estar”, explica Juan José Hierro, Coordenador e Chief Architect de FIWARE.

FIWARE e Smart City App Hack uniram seus esforços nesta primeira edição com o objetivo de contribuir para a criação de uma rede de smart cities que enfrentam desafios similares, visando transformar os cidadãos em verdadeiros criadores de soluções digitais para melhorar a vida nas cidades. Dos 42 aplicativos que participaram de todo o processo – 24 deles na competição online e 18 no processo de incubação – foram premiados ontem os que melhor conseguiram integrar a tecnología nos seus projetos.

Sobre FIWARE

A plataforma FIWARE oferece um set de APIs (Interfaces de Programação de Aplicativos) simples e ao mesmo tempo potentes, que facilitam o desenvolvimento de aplicativos inteligentes em vários setores verticais. Estas APIs são públicas e livres de royalties. Além disso, se coloca à disposição do público uma série de amostras de implementação de código aberto para cada um dos componentes de FIWARE a fim de permitir que novos serviços sejam lançados no mercado de forma simples e rápida.

 

DUBAI_SCAH-infographic

Do you have an app prototype? This is the moment to submit it to Dubai Smart City App Hack!

Dubai Smart City App Hack, the big international challenge that seeks the best Smart City apps, is now in the Hack-at-home stage, the online mentoring process for apps! This phase, covering mentoring in technical, bizdev and UX aspects, is open for both the participants that started working their apps on DecodeDubai as also for new teams that have an app in progress and want to join in.

What does this mean?

It means that if you have an app idea or prototype that you are working on and you need a final push to help you finish building it and put it on the market, Dubai Smart City App Hack is your project.

What do you get?

1/ Mentoring online from a team of experts in the app ecosystem, totally free!

2/ Many technical resources that can boost your apps! Open Data, FIWARE and MasterCard APIs, etc.

3/ The possibility to win in the Dubai City final prizes such as a paid trip to Barcelona and represent Dubai in the international final.

4/ The possibility to get to the Smart City Expo international final and win one of the 5000€ cash prizes for the best apps, plus special prizes from MasterCard and FIWARE for the apps that use their resources.

Check all the information regarding timeline, prizes and how to participate here.

Come on and join, this is the moment to create your app!

 

Phoenix to Compete in the International Tech-Olympics: Smart City App Hack

Phoenix1

The City of Phoenix will participate in Smart City App Hack, the international competition to develop apps that present a solution to a global civic challenge.

The Phoenix Smart City App Hack is the local portion of the competition and an app acceleration program that will go from the end of June through October.  Local app developers, entrepreneurs and residents are invited to submit web or mobile applications that incorporate solutions targeted to improve the five main themes identified as common global challenges: urban mobility, energy and emissions, shopping and retail, culture and tourism, the collaborative city.

The competition begins with a “Call for Entries” period from June 27 to August 1. During this period, teams or individuals can submit their projects – ranging from ideas to developed apps or businesses – for consideration for the Acceleration Phase.

Five finalists will be selected by a panel of industry professionals and Phoenix city officials. Selected finalists will receive additional mentorship from local companies and development professionals to prepare their app for market adoption and implementation.  New participants may still join during this period and are permitted to submit an existing, finished app directly to the online competition.

The contest will conclude with a City Finale where the five finalists, and all apps submitted through the Online Competition, will compete by pitching live on stage to a panel of judges.  Three City winners will be chosen and awarded cash prizes and entrance into the international Smart City App Hack. The Grand Champion will be sent, all-expenses paid, to represent the City of Phoenix at the international grand finale at the Smart City Expo 2015 in Barcelona.

In addition to the recognition of building a solution for the Phoenix community, creators of the top three apps will win cash prizes: $3,000 for first place; $1,000 for second place; and $500 for third place.

For more information on the 2015 Phoenix Smart City AppsHack, visit http://phoenix.smartcityapphack.com/ or http://www.azidp.com/ or follow us on Twitter: @AZ_iDP and Facebook: https://www.facebook.com/phoenixapphack